[RESENHA LITERAL] "O Ladrão de Raios", de Rick Riordan

Olá Garotos e Garotas Literais! Primeiramente gostaria de me desculpar por tamanha demora pra postar alguma coisa, semana de provas e como eu disse no outro post, tinha um casamento esse sábado que passou e junto com a prova, me tomou bastante tempo nessas últimas semanas... Pretendo postar ainda uns 3 vídeos esse mes, na verdade ainda essa semana pretendo postar dois, já que vai ter um feriado prolongado de 6 dias *-*. Bom, vamos à resenha. Outro livro que já foi comentado por milhões de blogs no mundo inteiro e mais uma vez, estou atrasada...


Título: O Ladrão de Raios
Livro: Primeiro Volume de Cinco Volumes, Série Percy Jackson & Os Olimpianos
Autor: Rick Riordan
Páginas: 385
Editora: Intrínseca
Sinopse: "O garoto-problema Percy Jackson é um deles. Tem experiências estranhas em que deuses e monstros mitológicos parecem saltar das páginas dos livros direto para a sua vida. Pior que isso: algumas dessas criaturas estão bastante irritadas. Um artefato precioso foi roubado do Monte Olimpo e Percy é o principal suspeito. Para restaurar a paz, ele e seus amigos - jovens heróis modernos - terão de fazer mais do que capturar o verdadeiro ladrão: precisam elucidar uma traição mais ameaçadora que a fúria dos deuses."

(4,5)



Dizer que Rick Riordan é um escritor nato é pouco. Desde o começo, que eu li o primeiro livro dele, "A Piramide Vermelha", me apaixonei pela forma que ele escreve e tanto o protagonista, as pessoas que o rodeiam e os seres mitológicos estarem sempre caminhando juntos no mesmo ritmo, na mesma medida e na mesma importância. 
Em Percy Jackson - O Ladrão de Raios, não é diferente. Eu não tinha lido o livro, e li só depois que vi o filme a muito tempo. Vou ser sincera que não estava esperando muito já que o filme não era grande coisa. Como sempre aconteceu comigo, o livro é melhor do que o filme, então eu estava completamente enganada. 
Percy Jackson é um livro impressionante, com muitos detalhes e tudo que alguém, (almejantes de livros principalmente) pode querer. Tem ação, comédia, aventura, mitologia(que é a base de tudo) e não tanto romance (o que é bom, já que em algumas vezes, ou na maioria delas, o romance supera toda a história e deixa de ser uma história completa, se focando apenas nele).

Uma leve ressalva que talvez não tenha me agradado foi que o ritmo, apesar de muitas vezes de tirar o fôlego, tem momentos que não são tão animados, as primeiras 50 páginas são um leve exemplo disso. Mesmo que já tenha começado com mistério e ação, algumas partes do livro não são tão animadas e não tem tanta ação quanto outras. E comparando-se rapidamente com outro livro de Riordan, da série As Cronicas dos Kane, já não acontece esse quesito. Fato que pra mim, acabou tirando meia estrela.
Pode ser estranho, mas uma das coisas que mais gostei, foram os títulos dos capítulos, já que por serem tão divertidos e engraçados, deixavam a história mais descontraída e até me deixava mais curiosa, fazendo eu achar que ia acontecer alguma coisa, sendo que ia acontecer outra no fim das contas.
Finalizando a resenha o que digo a vocês é o seguinte: Leiam o livro. Se querem minha opinião é um livro excelente e super descontraído. Não é uma leitura nada difícil, muito pelo contrário. Rick Riordan sabe mesmo fazer ótimos livros e faz personagens cativantes. Este já foi para os meus favoritos.



- Por Ana/Bia

Nenhum comentário:

Postar um comentário